A estreia de Larissa Manoela na Globo já está atrasada em quase um ano e ela pode demorar ainda mais porque a cúpula da emissora estuda suspender Além da Ilusão, trama de Alessandra Poggi, que tem a ex-SBT como protagonista.

O martelo ainda não foi batido, mas é provável que o folhetim seja realocado para 2022 ou 2023, o que, inclusive, poderá fazer com que a atriz seja remanejada para outro projeto. Segundo apurou o NaTelinha, Além da Ilusão sofre do problema que vem deixando a direção de dramaturgia da emissora sem saber o que fazer. A trama que marcaria a estreia de Poggi como novelista solo se passa entre os anos 40 e anos 50, o que torna as as gravações inviáveis em 2021. A direção artística do canal já avisou que novela de época não será gravada neste ano por causa da pandemia do coronavírus.

A exceção é Nos Tempos do Imperador porque o folhetim já contava com 30 capítulos gravados antes do surgimento da Covid-19, no ano passado e, mesmo assim, a estreia só ocorrerá quando ela estiver totalmente gravada. A justificativa da Globo passa longe da área artística ou pela qualidade do produto, já que os roteiros foram muito bem avaliados por todos da dramaturgia.

Mas os protocolos sanitários no enfrentamento do coronavírus inviabilizam a gravação de novela de época por conta de figurinos, penteados e cenografia, que exigem muitas pessoas presentes nos estúdios, além de contato físico, já que o elenco não não pode se maquiar ou se pentear. Isso aumentaria o risco de proliferação da doença e ninguém nos bastidores dos Estúdios Globo acredita que haja alguma chance de vacinação em massa no segundo semestre.

Fonte: UOL
Foto: Divulgação