O meia Rodriguinho está retornando ao Remo após quatro anos. O jogador atuou boa parte da carreira no futebol árabe. Em 2018, ele chegou no Leão e conquistou o Campeonato Paraense, ainda participando da campanha do time azulino na Série C do Brasileiro.

Naquele mesmo ano, Rodriguinho deixou o clube remista e assinou com o Khorfakkan, do Emirados Árabes. Agora, de volta ao Baenão, o meia exaltou o time paraense e falou dos objetivos na temporada de 2023.

– Finalmente está chegando a hora de voltar para casa, assim vejo esse meu retorno para o Rei da Amazônia, esse clube de tradição. A expectativa de fazer história no clube que me abraçou e desde 2018 faz parte da minha vida. É uma honra voltar e prometo entregar o meu melhor dentro e fora de campo. Vamos em busca dos títulos e do acesso. Não vejo a hora de chegar em Belém para reencontrar o Fenômeno Azul.

Nas últimas duas temporadas Rodriguinho esteve no Al Bataeh. No time árabe, o meia atuou em 29 jogos, marcou nove gols e deu 23 assistências.

 

Rodriguinho atuou nos últimos dois anos no Al Bataeh — Foto: Reprodução/redes sociais

                                                Rodriguinho atuou nos últimos dois anos no Al Bataeh

Com o Campeonato Paraense 2023 marcado para começar no dia 21 de janeiro, a reapresentação do elenco azulino está prevista para acorrer no início de dezembro. O Remo faz parte do Grupo A do torneio, com Itupiranga, Bragantino-PA e Caeté.

Fonte: G1
Foto: Claudio Pinheiro